Acusado de matar pai e filha de santo em São Gonçalo dos Campos é preso pela PM

0
44
Acusado de matar pai e filha de santo em São Gonçalo dos Campos é preso pela PM
Avalie o post

Um homem suspeito de matar o pai de santo Nilson Neres Moreira, 52 anos, e a filha de santo Roquelina dos Santos Pereira, foi preso por policiais militares na noite de segunda-feira (3), após o roubo de um celular nas imediações do Terminal Rodoviário de Feira de Santana. O duplo homicídio aconteceu na madrugada do dia 27 de outubro na cidade de São Gonçalo dos Campos.http://centraldepoliciafsa.blogspot.com/2018/11/pai-de-santo-e-mulher-executados-em-sao.html


Segundo o delegado Roberto Leal, coordenador regional de Polícia Civil, Caíque Pinheiro Falcão, 22 anos, é suspeito de praticar roubos na região do terminal rodoviário de Feira e após sua prisão, informações começaram a chegar para a polícia e o serviço de investigação da Delegacia Territorial de São Gonçalo, comandado pelo delegado Luiz Lapa, conseguiu ter acesso a vídeos e conseguiu identificar o suspeito.

Encaminhado para a delegacia e confrontado com as imagens que a polícia conseguiu, Caíque confessou o friamente e contou com detalhes como matou o pai e a filha de santo. Ele contou que o pai de santo o convidou para ir até a casa dele e propôs que tivessem um relacionamento sexual, tento Caíque recusado e exigido a quantia de R$ 40. Após a vítima se negar a entregar o dinheiro, resolveu cometer o duplo homicídio.


“Segundo e versão dele, que foi convencido pelo senhor Nilson, que era pai de santo daquela região para ir para a casa do mesmo e, recebeu o convite para ter um relacionamento sexual. Ele (Caique) não aceitou, só que exigiu a quantia de 40 reais. Como o senhor Nilson negou, ele se apoderou de uma faca e uma chave de fenda que já estavam no interior da casa e efetuou cerca de dez golpes contra a primeira vítima. A segunda vítima nada tinha a ver com a situação, mas, segundo o mesmo, para evitar que o crime fosse descoberto, resolveu mata-la também, e efetuou uma dezena de facadas e posteriormente ainda chutou e pisou na cabeça dessa vítima”, informou o delegado.


A polícia continua investigando e pode tipificar o crime como latrocínio (matar para roubar), pois um vídeo mostra o suspeito saindo da residência carregando uma mochila, contendo perfumes e outros objetos. O homem negou que já tivesse se relacionado com Nilson, mas a polícia tem informações de que já foram vistos antes, bebendo em uma festa.


O delegado Roberto Leal informou ainda que Caíque não demonstrou nenhum remorso e que não tinha motivo para matar a mulher, que estava em outro quarto e não esboçou nenhuma reação quando ele cometia o primeiro assassinato. “Ele foi ao segundo quarto e cometeu o crime, permaneceu na casa, chegou a lanchar, tomou banho e depois continuou em São Gonçalo dos Campos, e depois veio para Feira de Santana para praticar esses roubos, quando foi preso pela Polícia Militar”, concluiu o delegado.


Blog Central de Polícia, com informações de Sotero Filho e imagens reprodução.